Atenção!!! Seu navegador não suporta funções programação (JAVASCRIPT), portanto não poderá acessar diversas funcionalidades deste site! RECOMENDAMOS ATUALIZAR O SEU NAVEGADOR!!! Atenção!!! Seu navegador não suporta funções programação (JAVASCRIPT), portanto não poderá acessar diversas funcionalidades deste site! RECOMENDAMOS ATUALIZAR O SEU NAVEGADOR!!!



Login escolas
OBA - Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica
Página Inicial Intranet - Acesso Restrito Extranet - Acesso Restrito

Galeria de Fotos OBA e MOBFOG
[ Voltar ]

Luciana Leal e Paulo Pedrosa: Talentos Vencedores - 2001  

Luciana Leal e Paulo Pedrosa: Talentos vencedores



Abraçar um sonho não é fácil, descobrir seu próprio potencial tampouco. Mas é pensando nisso que o Sistema Educacional Momento cultiva a tradição de incentivar as habilidades intelectuais de seus alunos, dando subsídios para que eles possam alcançar suas metas. As conseqüências desse empenho são as melhores possíveis. Dentre muitos casos de alunos bem sucedidos, encontram-se os de Luciana de Oliveira Leal e de Paulo Júlio Pedrosa


Luciana é ex-aluna da Unidade Méier, na qual cursou da 5a a 8a série do Ensino Fundamental. Nosso destaque é uma carioca de 21 anos, igual a muitos jovens de sua idade. O que a faz especial é o fato de ter sido uma das 18 pessoas que passaram no recente concurso para juiz de direito. Ao tomar posse no Tribunal de Justiça do Rio, ela se tomou a juíza mais nova do Brasil. Essa brilhante carreira que desponta teve início em 1993, quando a jovem estudante foi aprovada no vestibular de Direito da Universidade Gama Filho. Com apenas quatorze anos e terminando a última série do antigo primeiro grau, Luciana só garantiu seu ingresso na universidade por meio de uma liminar. Nesta época, o apoio dos pais, dos professores e do colégio foi determinante para que ela tivesse a tranqüilidade necessária para superar tão grande desafio.

Durante a faculdade, Luciana manteve o alto nível de dedicação nos estudos. Antes mesmo de concluir o curso, ela ingressou na Escola de Magistratura, no Fórum do Rio. O resultado? A quinta colocação no concurso para juiz, superando mais de mil candidatos. Nenhuma novidade para quem, desde os tempos de MV 1, tinha o costume de estar entre os melhores.

Paulo Júlio, por sua vez, vem se destacando em outra área, menos cotidiana: a astronomia. Aos 16 anos de idade e aluno da turma MT321, do Méier, ele vem participando com bastante sucesso da Olimpíada Brasileira de Astronomia. Graças ao seu talento, Paulo foi o único representante carioca na equipe brasileira que esteve na IV Olimpíada Internacional de Astronomia, na Ucrânia, em setembro de 1999. Este ano, seu desempenho foi ainda melhor, sendo classificado em primeiro lugar na sua faixa etária. E lá se foi o Paulo para brilhar no prestigiado evento internacional, realizado desta vez na Rússia. O pai do jovem cientista, cheio de orgulho e emoção, conta o segredo de tanto êxito: muito esforço.

Há muitos jovens talentosos em nosso país. No entanto, as histórias de Luciana e de Paulo nos mostram que é necessário dar condições e estímulo para o pleno desabrochar das capacidades e dos potenciais de cada um. É o que o Sistema MV1 faz: cria talentos, faz pensar.


[ Voltar ]


 

Fale Conosco